Neurologia Infantil

Estágio De Complementação Especializada

Nome do Programa Neurologia Infantil
Coordenadores Maria Joaquina Marques Dias Umbertina Conti Reed
Titulação Professora Associada Professora Titular
Departamento Neurologia
Objetivos do Programa
  1. Capacitar o médico pediatra e/ou neurologista no atendimento de crianças com patologias neurológicas preparando-o para a carreira clínica ou acadêmica.
  2. Capacitar o médico neurologista infantil no atendimento (diagnóstico diferencial e conduta) de crianças com patologias neurológicas raras, sobretudo na área das doenças neurodegenerativas, metabólicas, co-morbidades psiquiátricas e métodos específicos de diagnóstico complementar.
Atividades Teórico-Práticas Obrigatórias
    • 1º. Ano:

      1. enfermarias da neurologia geral e neurocirurgia (6 meses);
      2. laboratório de LCR (80 horas);
      3. ambulatório geral de neurologia infantil (4 meses);
      4. enfermaria da neurologia infantil (4 meses).
    • 2º. Ano:

      1. ambulatórios de epilepsia infantil, neuropediatria geral e de ADHD;
      2. estágios de neuropatologia e de psiquiatria infantil (120 e 120h respectivamente);
      3. emergências neuropediátricas: estágio no Instituto da Criança (6 meses);
      4. enfermaria de neurologia infantil.
    • 3º. Ano (Opcional):

      1. ambulatório de doenças metabólicas, doenças neuromusculares e de cefaléia;
      2. atendimento aos RN no berçário anexo à maternidade;
      3. atendimento das emergências neurológicas no INCOR.
  1. Seminários (programa e carga horária)
    • 1º. Ano:

      1. Curso neuro-anatomia (3 meses);
      2. DNPM da criança normal;
      3. Patologia neonatal;
      4. Cefaléias na infância;
      5. Neurofisiologia (ENMG);
      6. Propedêutica neurológica especializada do RN aos 7 anos. Seminários semanais com carga horária de 6h/mês intercalados, em algumas semanas, pela discussão de casos clínicos relativos às patologias dos seminários.
    • 2º. Ano:

      1. doenças metabólicas;
      2. doenças neurodegenerativas;
      3. patologias neuromusculares;
      4. síndromes epilépticas – quadro clínico, prognóstico e diagnóstico diferencial.
    • 3º. Ano:

      1. particularidades de alguns exames complementares da rotina de pesquisa diagnóstica em Neurologia Infantil (EEG, Video-EEG, CT, RNM, LCR, imunoreações no soro e no LCR, diagnósticos por biologia molecular);
      2. condutas terapêuticas especiais em epilepsias (dieta citogênica, esquemas de tratamento do estado de Mal, Dietas em doenças metabólicas, reposição enzimática, células tronco e transplante de medula óssea);
      3. Seminários quinzenais com carga horária de 6 horas/mês.
  2. Outras Atividades Programadas (descrição)
    • 1º. e 2º. Anos: Seminários de discussão clínica de casos Internados nas Enfermarias ? carga horária de 10 horas/mês.
    • 2º. Ano: Seminários de discussão clínica de casos Internados nas Enfermarias, UTI e Berçário do ICR ? carga horária de 10 horas/mês.
    • No 2º. Ano: Seminários de discussão clínica de casos Internados nas Enfermarias, UTI e Berçário do ICR ? carga horária de 10 horas/mês.
    • No início do 2º. Ano: O estagiário escolherá um tema específico ao qual se dedicará até o final do estágio.
    • No último semestre do 3º. Ano: O estagiário poderá iniciar, sob a orientação de um assistente, seu projeto de Pós-Graduação, se esse for seu intento.
Atividades Optativas
Estágios em serviço
  1. Neuroimagem estrutural – características de tomografia computadorizada e ressonância magnética nas principais patologias da Infância. Supervisão Profa. Claudia Leite ? carga horária 24h/mês.
  2. Psiquiatria Infantil – destina-se a permitir o reconhecimento dos principais distúrbios comportamentais e do humor na infância bem como sua abordagem propedêutica básica. Supervisão Dr. Enio ? carga horária: 120h.
  3. Neurofisiologia
    • EEG: aprendizado destinado ao reconhecimento básico da atividade elétrica cerebral e suas variações básicas. Supervisão Dra. Eliana Garzon e Dra. Joaquina Queiroz de Andrade ? carga horária: 120h.
    • ENMG: aprendizado básico da eletroneuromiografia para o reconhecimento das miopatias, distrofias musculares e das neuropatias periféricas mas frequentes. Supervisão: Dr. Mario Wilson Iervolino Brotto ? Carga horária: 80h.
    • Neuropatologia: reconhecimento das estruturas cerebrais normais e patológicas, nos cortes macro e na microscopia ótica, dos principais métodos de coloração para as diferentes estruturas e das principais patologias do SNC. Frequência: às sessões de corte de cérebros, quinzenal. Supervisão: Prof.Dr. Sérgio Rosemberg ? Carga Horária: 120h
Trabalho de Campo
  1. Carga Horária Total: 1920 a 5760 horas
  2. Duração do Programa: 1 a 3 anos
  3. Período do Programa: 01.02.2013 a 31.01.2014
  4. Pré-requisito
    • Para o estágio de três anos: Residência em Pediatria;
    • Para o estágio de dois anos (2º. E 3º. Ano): Residência em Neurologia;
    • Para o estágio de um ano (3º. Ano): Residência em Neurologia Infantil ou Estágio de Neurologia Infantil com duração mínima de dois anos em Serviço reconhecido oficialmente.
Taxa de Inscrição: R$ 100,00
Período de Seleção 15 a 20 de dezembro de 2012.
Forma(s) de Seleção
  1. prova escrita;
  2. análise do currículo;
  3. entrevista.
Taxa de Matrícula R$300,00 (trezentos reais)
Mensalidade isento
Número de Vagas (mínimo e máximo) 6 assim distribuídas:

  • 2 alunos para o estágio de um ano/ano
  • 2 alunos para o estágio de dois anos/ano
  • 2 alunos para o estágio de três anos/ano
Forma(s) de Avaliação e critérios de aprovação final
  • Desempenho, freqüência, habilidades: semestralmente.
  • Provas escritas e práticas: semestralmente.
  • Apresentação de monografia já estruturada para publicação ao término do período do estágio.
Bibliografia
Colaboradores
  • Maria Luiza Giraldes de Manreza: Doutora em Neurologia, HCFMUSP, orientação em epilepsias da infância e EEG na criança e no ambulatório geral de Neurologia Infantil.
  • Rubens Reimão: Professor Livre Docente, HCFMUSP, orientação em distúrbios do sono.
  • José Luiz Dias Gherpelli: Professor Livre Docente – HCFMUSP, orientação à patologia neonatal, Paralisia cerebral, Complicações neurológicas em pacientes com cardiopatias e ambulatório de cefaléias.
  • Fernando Kok: Professor Livre docente – HCFMUSP, orientação aos pacientes internados, às doenças neurodegenerativas e neurogenéticas na infância.
  • José Albino da Paz: doutorado, HCFMUSP, orientação às emergências neurológicas em pediatria (PS do Instituto da Criança) e ambulatório de Doenças Neuroimunológicas na Infância.
  • Erasmo Barbante Casella: Doutor em Neurologia, HCFMUSP, orientação nas emergências neurológicas (PS do Instituto da Criança), nas Doenças Metabólicas e no distúrbios da hiperatividade e escolaridade.
  • Rosana Cardoso Alves: Doutora em Neurologia – HCFMUSP, orientação no ambulatório geral de Neurologia Infantil e aos Pacientes Internados na Enfermaria de Neurologia.
  • Leticia Pereira de Brito Sampaio: Doutora em Neurologia – HCFMUSP, orientação nas Emergências Neurológicas (Pronto Socorro do Instituto da Criança), nas Epilepsias Infantis e Dieta Cetogênica.
  • Clarissa Bueno: Doutora em Neurologia – HCFMUSP, orientação no ambulatório geral de Neurologia Infantil, e no Ambulatório de Erros Inatos do Metabolismo